free html hit counter Web Interstitial Ad Example
6 de Dezembro, 2021

Cinema Tv

Tudo sobre cinema, séries e tv!

Alec Baldwin é processado por negligência no set de ‘Rust’

2 min read
Diretor de iluminação acusa ator e produtores de terem falhado em checar arma que matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins ...

O chefe de iluminação do filme Rust abriu um processo contra o ator Alec Baldwin, a armeira Hannah Gutierrez-Reed, o assistente de direção Dave Halls e uma série de outros produtores do longa por negligência e falta de segurança no set, o que teria resultado no tiro acidental que matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins em outubro.

O processo é o primeiro a ser movido em conexão com a tragédia, que, além de vitimar Halyna fatalmente, também atingiu o diretor Joel Souza no ombro. Agora, segundo publicado pela Variety, Serge Svetnoy alega que foi ferido, além de enfrentar um “sofrimento emocional severo” gerado pelo ocorrido. Em um relato fornecido no processo, Svetnoy diz que ele e Halyna trabalharam juntos em nove projetos desde 2017. No dia do acidente, ele estava montando a iluminação de uma igreja enquanto Baldwin se preparava para filmar. Quando o tiro foi disparado, ele estava a cerca de dois metros de Baldwin e ouviu um barulho tão alto que “seus ouvido ficaram abafados”. Ele também sentiu uma “lufada estranha e assustadora” de ar e sentiu pólvora espirrar em seu rosto.

Ele, então, viu Halyna no chão, curvada sobre o torso e a ajudou a se deitar, tentando acamá-la. “Enquanto ele a segurava, percebeu que a mão colocada atrás das costas de Halyna estava ficando molhada com seu sangue”, relata o documento. Enquanto o médico cuidava do ferimento, Svetnoy falava com a amiga para mantê-la consciente, mas Halyna deixou de responder e seu rosto perdeu a cor. “Os próximos 20-30 minutos pareceram os mais longos da vida do requerente, enquanto ele tentava confortar a Sra. Hutchins, observando impotente enquanto sua consciência desaparecia”, diz o processo.

A ação acusa várias pessoas de não inspecionarem adequadamente a arma para se certificar de que não continha balas reais, e alega que os réus “falharam totalmente no cumprimento de suas responsabilidades e violaram os mais básicos padrões da indústria que regem o uso e a manutenção de armas de fogo e munições”, o que vai ao encontro de denúncias anteriores. Ele também acusa os produtores do filme de não terem contratado uma equipe competente o suficiente para manter um ambiente seguro.

Continua após a publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copyright © All rights reserved. | Newsphere by AF themes.